sábado, 22 de setembro de 2018

Figuras da Semana

Por Cima

Rússia e Turquia - Os dois países vão criar uma zona tampão em Idlib na Síria. O acordo é um passo de maior domínio na região, sobretudo dos russos. O regime sírio ganha mais um aliado porque Moscovo também defende os mesmos interesses. A Rússia ganha enorme influência junto das liderança locais, afastando cada vez mais os norte-americanos.


No Meio

Theresa May - A Primeira-Ministra desloca o Reino Unido para uma solução perigosa. As últimas declarações são um passo rumo ao não entendimento com a União Europeia. Existe arrogância política e egoísmo nos dois lados, mas os britânicos começaram com as intransigências, nomeadamente no plano interno. Theresa May não pretende abrir mão das condições que criou com ninguém, o que impede qualquer debate sobre o documento, seja em Westminster ou em Bruxelas.


Em Baixo

António Costa - A visita a Angola do Primeiro-Ministro serviu apenas para Portugal se baixar novamente perante os supostos irmãos. Na história das relações entre os dois países os angolanos ficaram sempre a ganhar, como agora, em que a intervenção presidencial possibilitou o encerramento de um processo judicial em território português. No entanto, a deslocação fica marcada pela falta de sentido de Estado do Chefe do Governo na aterragem em Luanda.

1 comentário:

Vitoe Kuerkos - noyoutube disse...

SAY NO TO PORTUGAL TODAY!

The portucigano economy is in the toilet, and droves of it's citizens are fleeing to neighboring Spain to work just to put food on the table! Those who don't go to Spain are swimming, or jumping on bannana boats to go to Angola or Mozambique just to sell their corpo for cod to feed their families. The slightly better off portuciganos are flying to Brasil to live in a favela that is much better than the poor, decrepid conditions they live in now; at least here they can eat.
I observed the portuciganos to be an ignorant bunch stuck in a mental time-warp that only focus on "how" good things were in the distant past rather than focusing on their now deteriorated, non-existant economy, and how bad things really are today.
Perhaps, this is "why" they can't seem to see the log stuck in their eyes but see the splinters in everybody elses eyes. I do find it ironic that they are racist toward Spain, Angola, Mozambique and Brazil only to later go look for a better life in these countries!

***PUTUGAL E UMA MERDA!! E VERDADE E VERDADE AMIGOS!!!***

TE VEJO NO SOPAS DOS POBRES A NOITE COM SEUS IRMAOS DESEMPREGADOS :)

Share Button