quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

O mundo novamente contra Trump

As reacções às medidas de Trump têm sido excessivas não se cingindo apenas aos líderes europeus que gostam sempre de ter razão sempre que dizem alguma coisa. 

Neste particular, os britânicos ultrapassaram as provocações europeias com a realização de um debate em Westminster para proibir a viagem do presidente norte-americano ao Reino Unido. Não acredito que seja possível porque todos são bem acolhidos em Terras de Sua Majestade.

No artigo publicado ontem, escrevi que as primeiras medidas estavam a ser bastante criticadas. Apesar disso, as primeiras dificuldades prendem-se com a escolha do novo juiz para o Supremo Tribunal. O Senado tem de confirmar a escolha de Neil Gorsuch, sendo que, os democratas já demonstraram algumas reticiências.

As expectativas em relação à nova presidência continuam em baixo porque tem havido bastante barulho a nível interno que terá reflexos no Congresso norte-americano. As negociações que Trump vai conseguir efectuar com Senadores e Congressistas poderá marcar o mandato no plano positivo. O único problema que impediu Obama de ter feito melhor trabalho foi a maioria republicana no Congresso, sobretudo nos últimos dois anos. 

Sem comentários:

Share Button