domingo, 3 de janeiro de 2016

Crónicas do Dakar Dia 1

Os carros foram ao médico

O gosto pelo Dakar por parte da população local foi sentida pela equipa liderada por Paulo Cardoso nos primeiros dias. O piloto português revela que "o povo adora a prova". A magia da maior prova desportiva de todo-o-terreno não conquistou apenas os europeus e os africanos quando a competição partia da Europa e acabava na capital do Senegal. As palavras de Paulo Cardoso provam que o Dakar pode ser percorrido em qualquer lugar do mundo. O carinho das pessoas torna os pilotos autênticos heróis porque "existe entusiasmo no acolhimento". 

O prólogo foi adiado por causa de um curso de água que estava mais alto, sendo que a ligação de 11 km da caravana sido "bastante duro". Os pilotos aproveitaram para efectuar verificações técnicas que acabaram por condicionar o descanso dos heróis. Ontem também houve um acidente que provocou oito feridos. 

A grande aventura está quase a começar, mas a primeira etapa foi anulada devido ao mau tempo.

Acompanha a participação de Paulo Cardoso e restante equipa no Dakar em Nóis vamos ao Dakar 

Sem comentários:

Share Button