sexta-feira, 4 de setembro de 2015

António Guterres a caminho de Belém ou Nova Iorque


O actual Comissário dos Refugiados das Nações Unidas (ACNUR), António Guterres, confirmou que vai deixar o cargo no final do ano. A decisão aumenta as especulações em torno de uma eventual candidatura a Belém, mesmo que Guterres tenha recusado participar na corrida presidencial. Todos sabemos que em política, o que é verdade hoje será mentira amanhã. A política funciona desta forma. 

A presidência da república não é a única hipótese para Guterres, que também ambiciona ser secretário-geral das Nações Unidas. O único problema para concorrer a Belém é o tempo, já que o actual mandato na organização internacional só termina no final do ano. As eleições presidenciais são em Janeiro e as candidatura devem ser todas anunciadas logo após as legislativas. Mesmo sendo uma figura consensual no país, precisava de mais tempo para preparar o caminho até porque Marcelo Rebelo de Sousa é um adversário duro de roer. 

O percurso político de António Guterres não fica por aqui. A próxima paragem será Nova Iorque para depois regressar definitivamente a Portugal.

Sem comentários:

Share Button