Etiquetas

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Afinal Costa também quer cortar nas pensões

A representante do Bloco de Esquerda desmontou a proposta socialista para a reforma da segurança social. Catarina Martins insistiu que António Costa pretende ter a mesma política dos partidos de direita sobre a matéria. As questões da Segurança Social têm marcado os debates e a campanha eleitoral, sendo que os bloquistas conseguem explorar as respostas incertas dos principais líderes. 

O secretário-geral socialista anunciou que vai aumentar o salário mínimo, repor o 13º e 14º mês, bem como as pensões que foram cortadas pelo executivo. No entanto, parece que também vai optar pelo mesmo caminho que tem trilhado nos últimos quatro anos. Por muito que Costa acredite nas suas soluções, sabe que não há margem para fazer isso tudo. O problema para ele é que o discurso da promessa já não colhe nos portugueses, até porque foi isso que nos levou à austeridade. 

Os confrontos televisivos têm insistido neste tema e na reforma fiscal. O país tem outras questões mais interessantes e importantes para serem esclarecidas pelas candidatos. 

Perante este cenário não será com o Bloco de Esquerda que o Partido Socialista fará coligação ou acordos de incidência parlamentar. 

Sem comentários:

Share Button