Etiquetas

sábado, 11 de abril de 2015

Figuras da Semana

Por Cima

Partido Republicano - O partido republicano norte-americano aposta tudo nas próximas eleições. Até ao momento já foram anunciadas duas candidaturas. A de Ted Cruz e Rand Paul. No entanto, há mais. Marco Rubio anuncia na próxima segunda-feira, sendo que Jeb Bush e Scott Walker vão esperar pelo Verão. Ora, enquanto que o Partido Democrata está limitado a Hillary Clinton, torna público amanhã a candidatura, os republicanos têm uma luta interessante. Mais do que isso vão ter a atenção sobre si, se os restantes democratas tiverem medo da antiga primeira-dama. Uma vez que as eleições norte-americanas vivem do mediatismo, em 2016 este estará todo no GOP.

No Meio

Barack Obama -  O presidente Obama lançou uma ofensiva sobre Cuba que lhe está a dar pontos. Contudo, os problemas no Médio-Oriente estão a dificultar a política externa norte-americana e o desejo dos Estados Unidos terem influência política e militar em cada canto neste planeta. As guerras civis na Síria e no Yemen mostra que Washington perdeu o poder, mesmo em relação aos seus eternos aliados. O actual presidente tem bastante culpa no cartório devido ao seu sistema de isolamento. Não cometeu o mesmo erro em Cuba, mas parece que foi Havana a dar o primeiro passo.

Em Baixo

Partido Socialista -  O anuncio da candidatura de Sampaio da Nóvoa não caiu bem em alguns militantes históricos do PS. Mesmo com a concordância de Mário Soares, o ex-reitor não vai ter vida fácil até às presidenciais. Não por culpa de um candidato laranja que não se conhece, mas por causa da entourage socialista, que queria um nome vencedor à partida e que também desse força nas legislativas. O que está a acontecer é exactamente o contrário. Sampaio da Nóvoa pode roubar espaço mediático a Costa até às legislativas, apesar de ser um moderado nas críticas ao governo. O PS foi precipitado nesta tentativa de regressar a Belém. 

Sem comentários:

Share Button