quarta-feira, 4 de março de 2015

De caso em caso até ás legislativas

Quanto estamos muito perto das eleições legislativas temos assistido ao surgimento de vários casos nos dois principais partidos que são alimentados pela comunicação social e depois alvo de discussão nas redes sociais. Nos dias de hoje já não são os media que alimentam a intriga com os seus debates e colunas de opinião, mas o cidadão anónimo que comenta tudo e mais alguma coisa. 

Os principais candidatos a São Bento têm estado sob fogo cruzado por causa de declarações que deixaram o aparelho socialista em choque e devido a um pagamento "esquecido" à Segurança Social de Passos Coelho. Estes dois casos têm feito as manchetes, mas não só. As respectivas estruturas partidárias ficaram indignadas com as palavras de Costa aos chineses em que, indirectamente, elogiava o executivo e agora a alegada falta de contribuição do primeiro-ministro ao Estado há uns anos atrás. 

Infelizmente vai ser assim até ao próprio dia da eleição. O problema é que as acusações não se vão ficar por aqui uma vez que novos casos vão aparecer, além de uma coisa mais grave. O caso Sócrates renascerá várias vezes, em particular se o PS insistir neste tema do esquecimento do primeiro-ministro na altura do voto. 

Quem vai ser o grande beneficiado disto tudo? O partido liderado por Marinho Pinto pois claro. 

Sem comentários:

Share Button