quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Um fiasco chamado Ed Miliband

O líder do Partido Trabalhista, Ed Miliband, vai ter uma vida complicada até às próximas eleições legislativas que se realizam no próximo ano. A popularidade de Ed tem vindo a cair, enquanto David Cameron continua sólido. O mais interessante é verificar que os Conservadores e Trabalhistas estão lado a lado nas sondagens. O facto de Miliband não ser visto como um bom primeiro-ministro pode tornar complicado uma vitória do Labour na hora do voto, o que garante aos Conservadores efectuaram uma coligação. 

É impressionante como um líder da oposição não consegue reunir apoios quando o alvo das críticas é sempre o primeiro-ministro. Ed Miliband tem o mesmo problema de António José Seguro. Não é carismático, não tem postura nem atitude de líder da oposição, quanto mais de chefe de governo. Ao contrário do que costuma parecer, é mais difícil estar no combate ao governo do que ser responsável por medidas impopulares. No entanto, no Reino Unido o governo liderado por David Cameron tem feito milagres na economia e noutros sectores, como é a questão europeia. 

Daqui a seis meses temos eleições legislativas no Reino Unido. Vai ser muito complicado ao actual líder do Labour recuperar uma imagem negativa. No fundo é a sua figura que vai a jogo. 

Sem comentários:

Share Button