Etiquetas

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Estamos lixados!

Por este andar não quero nem António José Seguro nem António Costa na liderança do PS, muito menos como primeiro-ministro de Portugal. O primeiro vai para São Bento dançar o vira e o outro não larga o barrete. É sempre bom quando os líderes partidários despem o fato e têm estes gestos simples. No entanto, é pena que tanto um como o outro não estejam a fazer uma campanha com dignidade. As pessoas e os media gostam deste tipo de situações porque ajudam a desanuviar o ambiente, sendo que as primárias do PS vão ser muito complicadas, em particular após a divulgação dos primeiros resultados no próximo dia 28 de Setembro. 

Até lá, Seguro e Costa vão percorrendo o país e mostrando que são políticos, mas também pessoas simples. Que também são seres humanos. Nem outra coisa poderia deixar de ser uma vez que os dois candidatos têm sido nulos em termos de propostas e ideias, coisa que se distingue em pessoas com um certo nível de intelectualidade e ideologia. Ora, já sabemos que Seguro é fraco politicamente, mas que Costa não tem nada para acrescentar. Quem vai ficar baralhado são os eleitores socialistas, porque os simpatizantes vão votar de acordo com aquilo que é melhor para o país. E em muitos votantes estarão militantes do PSD e outros partidos. 

Sem comentários:

Share Button