Etiquetas

domingo, 15 de junho de 2014

Jogo de loucos até aos 70 minutos

Itália e Inglaterra proporcionaram um dos melhores jogos do Mundial até ao momento, pena que as condições atmosféricas em Manaus tivessem reduzido o jogo a 70 minutos, porque até aí estávamos a assistir a um jogaço entre duas equipas que entraram em campo com o intuito de vencer. Aliás, esta tem sido uma das imagens de marca neste princípio de torneio: ninguém está preocupado em defender, o que era muito frequente em torneios anteriores, sobretudo no primeiro jogo.

Prandelli e Hodgson adoptaram uma atitude positiva, até porque uma vitória deixava os oitavos-de-final à mão de semear, muito por culpa da derrota inesperada do Uruguai.

Venceram os italianos mas podia ter ganho os ingleses tal o número de oportunidades que foram criadas. Passes fantásticos, jogadas incríveis e guarda-redes em grande forma, em particular Sirigu.

Em termos tácticos importa destacar a influência de Pirlo e Gerrard na manobra ofensiva das suas equipas. Dois autênticos génios!!

Sem comentários:

Share Button