Etiquetas

terça-feira, 6 de maio de 2014

O risco de Cavaco se tornar faccioso

Cavaco Silva tem um enorme sentido de Estado e um bastante qualidade para ser Presidente da República. No entanto, sente-se uma certa amargura em algumas respostas do PR. Bem sei que, no interior do PR, há uma certa vontade em mostrar que o caminho percorrido por ele é o mais correcto, mas também em confirmar que os anos dourados de Portugal foi quando era primeiro-ministro. 

O problema é que o chefe de Estado tem de representar este papel nos bons e maus momentos. A declaração de vitória após a eleição de 2011 foi um desses momentos menos bons. O outro aconteceu um dia depois da saída da troika, mas o pior foi o facto de Cavaco Silva ter feito uma declaração no facebook (e com erros...). 

Percebo a vontade interna de Cavaco exteriorizar alguns dos seus sentimentos, mas em certas ocasiões não o pode fazer. Até porque o governo também não enveredou por esse caminho, e se calhar tem mais razões para o fazer do que o PR. A saída limpa foi bem feita pelo governo, mas o PR não aproveitou a onda positiva para ganhar alguma popularidade. 

Esta resposta revanchista tem um outro problema e está relacionado com o facto desta mensagem ser uma demonstração de apoio ao executivo.

Sem comentários:

Share Button