quarta-feira, 21 de maio de 2014

A sua eleição preocupa

Mais do que uma vitória do Partido Socialista nestas eleições, o que acaba por ser normal, é o facto de António Marinho Pinto ter fortes possibilidades de vir a ser eleito eurodeputado, e dessa forma, iniciar a sua carreira política logo à primeira oportunidade. Não quero com isto tirar o mérito a quem legitimamente se candidata, mas quem chamou "energúmenos" aos advogados estagiários não deveria ter oportunidade de se passear pelos corredores de Bruxelas. Contudo, não serão esses os votantes do antigo bastonário da Ordem dos Advogados.

Não sei qual é o programa político de Marinho Pinto para a Europa, no entanto, pelo que temos visto nos media acho que não deve ter grande para dizer. O estilo arruaceiro e carrancudo dizem tudo. Nos últimos anos têm aparecido alguns fenómenos anti-partidos que são casos de sucesso, como foi Manuel Alegre e Fernando Nobre. Há quem considere que o surgimento destas pessoas é bom para a democracia. Eu não concordo quando estamos perante pessoas que não têm ideias sustentadas e fundamentadas. Tudo aquilo que é dito no vazio da ideologia merece suspeição da minha parte, porque não sei se querem entram na política com boa ou má intenção. 

É óbvio que Marinho Pinto sozinho não faz nada, mas pode ser o início de uma carreira política que terá influência em Portugal. E quem sabe sucesso....

Sem comentários:

Share Button