sexta-feira, 18 de abril de 2014

In Cameron british have faith

David Cameron tem feito um excelente trabalho à frente do governo britânico, ao ponto de ter reduzido o desemprego no país para 6,9%. No entanto, algumas declarações e posicionamentos tem deixado o primeiro-ministro em maus lençois. Cameron parece um pouco conservador demais, e não é sem dúvida um liberal. Depois da sua atitude em relação à UE, Cameron vem agora dizer que os britânicos devem sentir-se mais católicos.

Dizer isto num país que é protestante e nem sequer festeja a actual época é dar um tiro no pé, muito embora. tal como cá, não haja oposição para pegar nas palavras do actual primeiro-ministro. A mim parece que Cameron quer ganhar votos quando estamos a menos de um ano das eleições legislativas. Isso é tudo legítimo, contudo os temas que o partido conservador tem colocado na praça pública são uma tentativa de agradar aos britânicos, que como se sabe são muito complicados no que diz respeito a certas matérias. E essas matérias são a religião, europa, imigração. Nos últimos tempos, Cameron tem cedido à vontade popular. 

Isso não faz dele um líder populista, mas alguém que está atento aos problemas das pessoas, mesmo quando chocam com os princípios políticos dessa figura.

Sem comentários:

Share Button