Etiquetas

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

O direito ao referendo

Eu percebo a revolta dos catalães mas não entendo o objectivo. Ganhar a autonomia em termos políticos ainda me parece razoável, no entanto a Catalunha fica melhor se depender economicamente de Madrid. A questão da autonomia catalã é um motivo de orgulho nacionalista, tal como acontece no país basco, mas também para concorrer contra a capital. Existe um certo "ódio" ao governo espanhol porque, como acontece em todos os países, a capital é sempre mais favorecida: é lá que estão as grandes empresas, os principais bancos bem como a realeza. No resto de Espanha não há nada disso. Um dos problemas dos catalães tem a ver com a questão monárquica. Na minha opinião, a Catalunha não se revê no regime que Madrid adopta como seu. É tudo uma questão de fachada, que não serve para nada mas que os madrilenos gostam porque é uma forma de se sentirem importantes. Acho que os catalães são mais republicanos e preferem estar dominados por uma república. Este é um aspecto importante na reclamação da independência, daí que as manifestações sejam cada vez mais recorrentes e a convocação de um referendo esteja iminente. Não acredito que Madrid consiga suportar este problema durante muito mais tempo, daí que considere a necessidade de um consulta popular o quanto antes, até para clarificar de uma vez por todas a posição dos catalães perante este problema. Ao mesmo tempo os madrilenos também deveriam ser consultados, mas para comparar os resultados com os homólogos catalães. O que quer que aconteça daqui para a frente, as relações entre Madrid e Catalunha já não serão as mesmas....

Sem comentários:

Share Button