Etiquetas

sábado, 6 de julho de 2013

E tudo acaba como era dantes

Seria bom para o país que Portas fosse embora do governo e substituído por outro elemento do CDS. Era óptimo que Portas abandonasse a liderança do CDS e deixasse o partido continuar a sua viagem sob a liderança de outra pessoa. Era excelente que Paulo Portas sumisse da vida política portuguesa para sempre. Contudo nada disso vai acontecer, já que o menino embirrento afinal parece que vai ficar mesmo no governo e com poderes reforçados. Já era de esperar este desfecho tendo em conta o que Cavaco pediu a Passos Coelho, mas sobretudo a atitude do PM perante o abandono do barco de Portas. Para Passos, Portas fica a assumir as responsabilidades e depois na campanha pré-eleitoral para as legislativas que deverão ser em 2014, o CDS e o seu líder já não são mais necessários. E aí começa a guerra uma guerra que levará o Partido Socialista de novo ao poder. Esqueci-me de dizer que Cavaco Silva mais uma vez não fez nada.....

1 comentário:

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Cavaco não fez nem fará nada. Vai vendo e emitindo comunicados bolorentos...
Portas sempre jogou desta maneira e tenho a certeza que não vai ficar na pior. Que vai dar o fora vai ser o PPCoelho...

Share Button