Etiquetas

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Portugal vs Austrália

Uma imagem vale mais que mil palavras, não é?
Se assim é, fica aqui um bom exemplo dessa realidade.


15 comentários:

AFRODITE disse...

Apesar de tudo, prefiro estar aqui o meu cantinho, com menos metros quadrados de área disponível para esticar o pé, do que viver na Austrália. Não tenho nada contra os cangurus (lol) mas morro de medo de bichos venenosos (e por lá, dessas bichesas é o que mais há).

(^^)

Francisco Castelo Branco disse...

Caro Pedro também não penso que seja pelo numero de deputados que a diferença seja feita...

Nuno Pereira disse...

Não me parece que seja o melhor exemplo para comparar. No sistema Australiano existem 2 câmaras. Ao nº de 150 deputados devemos acrescentar 76 do senado que também são eleitos. E como é uma federação, faltam ainda os deputados eleitos para as assembleias dos diferentes estados (algumas com 2 câmaras também)que totaliza mais 598.

Francisco Castelo Branco disse...

nós se calhar deviamos ter duas câmaras

Larissa Bona disse...

No Brasil temos 513 deputados e 81 senadores e ocupamos a 85ª posição no IDH. Aparentemente, parece-me que a teoria suscitada faz sentido, quanto mais políticos, menos qualidade de vida...

Rui da Bica disse...

Acho que, de certo modo, esses dados são também aferidores da produtividade de um país ! ...
Input / output (neste caso, produtividade política)!
.

FireHead disse...

O Seguro não sugeriu a diminuição do número de deputados? A esquerdaria unida é que não achou piada nenhuma. Esses tachos...

Francisco Castelo Branco disse...

o timing foi inoportuno.

Pedro Coimbra disse...

A ideia era mesmo suscitar a discussão acerca da possibilidade da redução do número de deputados.
Não teremos deputados a mais, atentas a dimensão do pais, os seus recursos, a miriade de cargos políticos nas autarquias, e a fraca qualidade que a grande maioria exibe?
Rotundo sim da minha parte!!

Francisco Castelo Branco disse...

Temos deputados a mais teno em conta os circulos eleitorais. Ou seja, tendo apenas 20 circulos eleitorais, há deputados a mais eleitos por esses mesmos circulos, daí que as pessoas não conheçam o numero 3 e 4 da lista do PS ou PSD. E depois isto gera um afastamento entre eleitos e eleitores. Ou se reduz o numero de deputados ou muda-se o sistema eleitoral. Agora não pode é ficar tudo como está.

Larissa Bona disse...

Uma pequena curiosidade: qual o custo anual de um deputado em Portugal?

Francisco Castelo Branco disse...

eles recebem mal para aquilo que é generalidade

Pedro Coimbra disse...

Francisco,
O ideal seriam os círculos uninominais, seria podermos conhecer a cara da pessoa que conquistou o nosso voto.
Ideal, mas não me parece que seja possível

Laricas,
Não sei a resposta a essa pergunta.
Até porque, além do vencimento, há outras regalias que não e fácil calcular.

BlueShell disse...

Está tudo dito...
LOL...
BShell

Pedro Coimbra disse...

Larissa,
Peço desculpa pelo erro no seu nome que só agora detectei.
Estava a responder no Ipad e aquela treta corrige automaticamente o português.
Dá disparates embaraçosos como este.
Peço imensa desculpa pelo erro, ainda que involuntário.

Share Button