Etiquetas

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Momentos Olhar Direito (5) : As questões que dividem a nossa sociedade

Não só de política falámos ao longo destes cinco anos, embora tenha sido esse o prato forte da nossa análise. No fundo, o Olhar Direito existe porque quer ter uma intervenção activa nas questões políticas mas também na nossa sociedade.

Até porque não há eleições ou fait divers todos os dias, é importante debruçarmos sobre temas quentes que dividem a nossa sociedade, em especial no nosso país. Passámos por questões como o casamento entre pessoas do mesmo sexo, a adopção, o aborto, a eutanásia, o interesse das pessoas pela política, o conflito entre os vários sectores da nossa sociedade. 

Há questões que ultrapassam a mera decisão política, pelo que deve ser a sociedade a movimentar-se para que seja uma alternativa credível aos processos do costume. Não que estes estejam mal, mas se tiverem a ajuda das pessoas podem sempre melhorar e servir mais as pessoas do que os interesses instalados. 

As questões que atrás referimos foram ou irão ser discutidos pelos portugueses, como é o caso da eutanásia. Temas fracturantes e que dividem, pelo que não é de espantar o surgimento de movimentos cívicos, tal como aconteceu no aborto.

Muitos dizem que as pessoas não participam e não se interessam, mas a prova do contrário veio com a questão do aborto, pelo que considera a nossa sociedade como madura, interventiva e inteligente.
Não sei se caminhamos para uma espécie de democracia tipo directa, em que a palavra dos cidadãos é soberana. É certo que ainda estamos longe disso, mas as recentes manifestações também mostram um povo com vontade e a exigir mais poder nas suas mãos.


Sem comentários:

Share Button