sábado, 22 de setembro de 2012

A Grande Viagem dos Salmões - Cativeiro XLIV

(...)

Salmodiana estava presa em Hokai. Mantida em cativeiro já não havia maneira de ter esperança. Pensava tanto em Salmolipe como em Salmonisco. No entanto, não sabia quem desejava para a salvar. 
Tinha ainda um sentimento em relação a Salmonisco, mas como já não trocavam palavras a algum tempo, não sabia se ele ainda pensava nela. Era provável que não, até porque durante a viagem certamente que haveria tempo para se envolver com outras. Quanto a Salmolipe era outra questão. Podia ser salva por ele, mas se calhar não tinha tanta importância se Salmonisco a libertasse. Contudo, nunca poderia dizer que não a alguém que correu meio mundo para a salvar. E nesse aspecto Salmodiana tinha bom coração. Apreciava este tipo de gestos.


No entanto, a intenção dos captores era outra. Queriam atrair Salmonisco e assim poder derrotá-la, isto na hipotese de ser o lider dos Salmonix a vir libertar Salmodiana. Contudo, quem aparecesse pela frente não iria ter vida fácil. 

Salmolipe estava entre a vida e a morte, só que no preciso instante em que estava quase a ser comido, teve uma pequena surpresa.....

(continua dia 28)

Sem comentários:

Share Button