Etiquetas

sexta-feira, 6 de julho de 2012

A Grande Viagem dos Salmões - Uma questão de inteligência XXXV

(...)

Apesar do risco iminente de ter sido quase comido, Salmonisco nunca desistia. Infelizmente para o URSO, ele não tinha servido para o jantar.
No entanto, Salmonisco reparou que teria muitas dificuldades em passar aquela zona, porque estavam quatro Ursos famintos prontos para o comer. Por uma questão estratégia, os Ursos já sabiam que Salmonisco era sempre o ultimo a saltar as cataratas. Sempre havia sido assim e o lider dos Salmonix era conhecido por ficar para ultimo, deixando os outros ir em primeiro, nunca deixando ninguém para trás. Por tudo isto, Salmonisco era dificil de ser apanhado. A sua personalidade davam-lhe bravura e força para enfrentar os desafios mais complicados, e a zona dos Ursos constituía o principal obstáculo dos Salmonix nesta Viagem excitante mas igualmente perigosa.

Os Ursos respeitavam muito o Salmão, apesar da diferença de tamanho, força e sobretudo armas. No entanto, os salmões para contrariar todo esse poderio usavam a cabeça que funcionava como uma bussola. Era também uma questão de inteligência, táctica e dinâmica. Muitos salmões aproveitavam o facto dos Ursos não serem muito moveis, para procurar zonas baixas e assim ir passando enquanto a força das águas fazia o resto. O problema colocava-se quando os salmões davam "aquele" salto cá para fora...uma vez dentro de água já não havia qualquer problema....

(continua dia 7...)

Sem comentários:

Share Button