quinta-feira, 14 de junho de 2012

Merkel também bate nos espanhois

Após muitos anos a ralhar com Portugal devido à sua situação financeira, Angela Merkel vem agora bater nos espanhois. A chanceler fala numa espécie de "década desastrosa", justificando assim a situação a que nuestros hermanos chegaram.
Como está visto, nós não temos que ter a mania da perseguição, porque pelos vistos Merkel acha que tem autoridade para dizer aquilo que pensa, intrometendo-se na política de um Estado soberano. O argumento que a Chanceler tem todo o direito de meter a foice em seara alheia porque a Alemanha está a ajudar a resolver a crise dos outros não colhe. A Alemanha pode ajudar com uma forte fatia, mas não é a unica que está envolvida no resgate aos países em dificuldades.
Depois dos portugueses preguiçosos, eis que os espanhois são irresponsáveis. Felizmente Sarkozy há muito que desapareceu no mapa, assim já só temos de ouvir uma voz.
Ao contrário do que sucedeu nos outros países sob "supervisão" alemâ, é de esperar uma forte reacção do governo espanhol a estas declarações.

Depois de Espanha, o perigo parece pairar na Itália, mas Mario Monti já veio afirmar que não é preciso ajuda. Não foi isso que os ex-primeiros ministros de Grécia, Irlanda e Portugal afirmaram?

O contágio vai subir por essa Europa fora....

Sem comentários:

Share Button