domingo, 8 de abril de 2012

Olhar a semana - Regresso sem data

Após a questão dos subsídios de férias e natal, aparece uma nova querela em torno deste executivo. Desta vez é o tão ansioso regresso aos mercados que está a confundir o governo e os portugueses. Será em 2013, mas não sabemos qual será o dia e hora que isso vai acontecer. Também aqui o governo parece andar ao sabor do vento, sem saber muito bem o que dizer. Era importante que o Executivo de PPC falasse a uma só voz para evitar mal entendidos e especulações sobre eventuais conflitos dentro do Conselho de Ministros.

Até porque se PPC é o PM, o que Relvas diz é sempre importante visto que é ele quem controla a máquina partidária e governamental.

1 comentário:

expressodalinha disse...

Enquanto os coelhos puseram ovos, não há azar.

Share Button