Etiquetas

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

A Grande Viagem dos Salmões - A caminho X

(...)

Feita a divisão dos grupos, cada um seguiu o seu caminho rumo a um objectivo comum. Apesar das diferenças evidenciadas, ninguém queria que Salmonão ficasse definitivamente preso. O problema seria depois de efectuada a viagem. No regresso haveria de certeza conflitos dentro da própria comunidade de salmões, o que não iria ajudar a manter instabilidade social e política.

Salmonisco e o seu grupo de cerca de 400 salmões mais os peixe-palhaços guiados pelo General Nemo. Estavam tensos e com algum receio pois os perigos começavam a aparecer. A travessia pelo mar estava a acabar e o rio aproximava-se. Para fazer face à ameaça das águias, os salmonix organizaram-se em fila indiana para evitar que o mergulho do inimigo causasse dano. Com a sua aerodinâmica e rapidez haveria tempo e espaço para escapar. As águias vinham em direcção à agua de forma muito rápida de forma a conseguir apanhar o peixe com as patas.

- Eles vêm aí - Avisou Agalix.

O primeiro obstáculo à sobrevivência dos salmões estava mesmo ali ao lado

(continua dia 14)

1 comentário:

daga disse...

Então o Nemo e o seu exercito não desistiram!
Alguns vão morrer às garras das águias, mas que sejam poucos... não há demanda sem vítimas e sacrifícios!

Share Button