quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

A Grande Viagem dos Salmões - as tentativas XII

(...)

Enquanto que Salmonisco se deparava com o mesmo problema de sempre, Salmolipe e Samondiana continuavam a sua aventura por outros mares. Estavam a chegar ao Rio Hawkli.

Metade do grupo estava com o lider, outra metade seguiu as braçadas de Salmolipe. Assim os Salmonix que seguiram viagem estavam divididos em dois. Por isso, as probabilidades de salvar Salmonão eram muitas, mas podia acontecer que sobrevivessem poucos durante a viagem. Tendo em conta os perigos vários, era natural que muitos ficassem pelo caminho.

Perante o perigo das águias, o Salmonisco e o seu grupo nadaram a toda a velocidade para sairem do seu alcance. Ducolix foi o primeiro a tentar, mas não conseguiu nada. Havia um grande nervosismo no seio do cardume.

- Mantenham-se firmes e não tenham medo, em breve estaremos a salvo - avisou Salmonisco.

Mais duas tentativas de captura que em nada resultaram. Os salmões estavam com muita sorte naquele momento. Havia quem fizesse tudo para não ser comido, como por exemplo Salozm que empurrava os seus companheiros a fim de estar mais protegido. Era uma atitude condenável e que mereceu repudio de todos, mas naquela altura não se podia pensar noutra coisa que não a própria sobrevivência. Salmonisco como grande lider que era, estava na frente.

Entretanto, no outro grupo, enquanto que os salmões faziam uma viagem tranquila, ao longe, Salmodiana avistou algo :

- Cuidado. Estão a ver? Parecem-me ser orcas......

(continua dia 27)

3 comentários:

daga disse...

não sei se divididos terão mais chances de encontrar Salmonão e de escapar com vida... vamos ver!

Fatyly disse...

as divisões serão sempre perigosas e esse Salmonisco quer a união sem medos, lider que se resguarda nos outros, pois claro...mas o olhar DA Salmodiana é sempre mais credível!

Onde é que eu já ouvi isto? Pois...aguardarei!

Francisco Castelo Branco disse...

poruque é que o olhar da salmodiana é mais credivel?

Share Button