quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

A Democracia na América

Este ano a América está em eleições, apesar de serem menos entusiasmantes que o costume porque estamos perante uma reeleição e provavelmente Obama vai ganhar em Novembro.
Acompanhar as eleições norte-americanas é um desgaste tremendo porque ocorrem durante o ano inteiro e devido ao fuso horário temos de fazer directas para acompanhar os resultados.

As eleições primárias dos partidos republicanos e democratas são um autêntico exercício de democracia. Qualquer um pode ir a jogo desde que tenha um bom apoio financeiro e seja conhecido da opinião pública. Normalmente os candidatos a Presidente vêm da bancada do Congresso ou do Senado. Acontece que durante a corrida, alguns candidatos vão desistindo por saber que já não têm a mínima hipotese.

O maior exercício de democracia das eleições é o caucus. Qualquer um pode votar seja no candidato democrata ou republicano, desde que entre numa sala e registe o seu nome. Há votações que são feitas por braço no ar. O mais curioso é assistir à ultima tentativa dos Candidato em angariar votos mesmo no próprio dia da eleição e na Assembleia de Voto. Foi o que aconteceu ontem no Caucus do IOWA com Ron Paul, Gringrich e Michelle Bachmann numa ultima tentativa de desespero para captar votos.

Isto é o pleno exercício da democracia. E seria impensável assistir a estas situações no Velho Continente onde se chega ao rídiculo de existir um dia de reflexão. Pior ainda são as proibições de não se poder "falar" em eleições ou campanha no dia da votação. Vai tudo com ar de funeral porque a polícia pode estar perto e prender alguém que faça campanha.....

Assim, a democracia na América é mais livre e permite um maior contacto entre eleitor e eleitos. Durante a campanha para a eleição geral, é realizado um debate em que o publico questiona os candidatos. Porque razão na Europa e em Portugal continuamos com os debates fechados e só acessíveis a determinados grupos? Lembro-me de uma campanha para as legislativas em que os debates na SIC tinham limite de tempo para os candidatos falarem. Só me recordo de ouvir Rodrigo Guedes de Carvalho a dizer "só tem 5,4,3,2,1....".

Por tudo isto, as eleições americanas são uma verdadeira festa. E por estas razões se explica o maior interesse dos americanos na sua vida política do que muitos povos europeus. Nomeadamente em Portugal...

14 comentários:

Fatyly disse...

Além disso, julgo que o voto é obrigatório.

Acreditas que cá por vezes duvido do "apuramento"?

Anónimo disse...

Fatyly
..... A única coisa obrigatória nos USA é pagar taxas e....claro, morrer um dia!

DCS ( retired ATP)

ps ...Francisco, prometo que vou escrever um dia destes! É um risco grande, como saltar num trapézio a primeira vez e sem rede!.... Comentar é diferente, a responsabilidade resume-se à opinião, escrever um texto para um blog sério e honesto como o vosso requer pelo menos um conhecimento vasto do tema a debater ou opinar! Mas prometo.

Fatyly disse...

DCS
agradecida, e aprendi mais alguma coisa!

expressodalinha disse...

Acho uma boa um post DSC. Sempre vê o outro lado. E não preciso grandes conhecimentos. Basta ter bom senso e avançar determinadamente. Quanto às eleiçoes ou à selecção, já me explicaram trita vezes mas não entento. Gostava que me deessem aqui a evolução até à selecção. Poderaá ser?

Pedro Coimbra disse...

Pois olhe que eu não dou por garantida a vitória de Obama.
E os falcões do Partido Republicano, mais as dondocas do movimento Tea Party, assustam-me

Anónimo disse...

De que tem medo Pedro Coimbra?

Francisco Castelo Branco disse...

caro expresso

queres a explicação da selecção da nomeação do candidato escolhido?

Francisco Castelo Branco disse...

DCS

Caro DCS é muito importante a sua colaboração neste espaço.
Não penso que seja preciso estudar e quanto hà responsabilidade esteja à vontade porque todos nós escrevemos barbaridade.

Eu por exemplo, tenho de ver todos os dias a "Situation Room" de Wolf Blitzer para poder fazer estas analises. Mas vivendo nos EUA é diferente.
Gostavamos muito que nos desse a perspectiva norte-americana até porque também queremos crescer em terras do tio sam

Francisco Castelo Branco disse...

Pedro Coimbra

se Romney ganhar, como é expectavel, Obama tem a eleição garantida.
Romney é daqueles ricos que acha que o dinheiro compra votos. Não conseguiu a eleição há quatro. nesta segunda vez tem a sua imagem desgastada.
Os americanos não vão nas conversas dos multimilonários

Francisco Castelo Branco disse...

fatylyl

qual apuramento?

Anónimo disse...

Francisco
....olhe que a lista para a votação não está correcta. Aí vão os nomes embora Michele Bachman tenha desistido.

Newt Gingrich....ex senador da Geórgia

John Huntsman ... Ex embaixador na China

Ron Paul................Congressista do Texas

Rich Perry............. Governador do Texas

Mit Romney.............ex governador de Massachusset

Michele Bachman.....congressista do Minesota

Francisco Castelo Branco disse...

eu sei, fiz isto antes da votação e meti alguns nomes excedentarios.

mas os principais estão la

Fatyly disse...

FCB
do qual será? da contagem dos votos nas NOSSAS ELEIÇÕES!

Francisco Castelo Branco disse...

eu nao alinho em suspeitas, peço desculpa mas não

Share Button