Etiquetas

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Grécia, o primeiro a sair

Parece uma certeza a saída da Grécia do Moeda Unica. A ser assim, estamos perante o falhanço daquilo que foi o sonho de construir uma união monetária dentro da União Europeia. O objectivo foi o de competir em primeiro lugar com o dólar e mais tarde com a poderosa moeda chinesa.
Era evidente que o projecto ia falhar no momento em que alguns países com economias mais fortes começaram a impor as suas ideias e politicas. Se por um lado há a responsabilidade de quem não cumpriu com a sua população, por outro a política económica europeia foi mal conduzida.

Se a Grécia sair do Euro terá de ser tudo construído de novo. Mas isto não é um problema só de economia. Mas também tem a ver com a falta de união politica. Se as Instituições Europeias existem é para funcionarem bem e não para aplicarem as regras de vez em quando. Também não pode acontecer que sejam os paises mais poderosos a decidir.

O futuro dos gregos está hipotecado mas o da Europa está negro....

4 comentários:

Fatyly disse...

e fartissima de toda esta gentalha...digo, melhor grito...nós nunca deviamos ter entrado!!!

Fatyly disse...

Monólogo: afinal já não há referendo... e os abutres vão continuar a comer tudo!

Só o despesismo de toda aquelas "mordomias" de reuniões, de viagens, de cada um no seu carrão...quem pagará tudo aquilo?

Cambadaaaaaaaaaaa de putos feitos doutores, já gordos e anafados que não se entendem e eu que sou pacífica querem acabar com a minha paciência?

Até amanhã!

expressodalinha disse...

Nesta altura é só culpados. Adoramos culpas e desculpas. Faltam ideias para resolver a situação.

myra disse...

muito dificil, acho, resolver esta situaçao..infelizmente..o sonho de uma Europa unida pela moeda...acredito que foi e è um sonho...

Share Button