terça-feira, 29 de novembro de 2011

Breivik é psicótico, quem diria....

Psiquiatras avaliadores das faculdades mentais de Anders Breivik concluiram que o autor dos atentados de Oslo é inimputável e portanto não pode ser julgado. Em vez de passar o resto da vida na prisão, vai ser sujeito a tratamento psiquiátrico para o resto da vida, o que equivale a dizer que irá estar "preso" a si até ao fim dos seus dias.

O tribunal ainda não decidiu, mas ao que tudo indica a procuradora irá pedir tratamento psiquiátrico para o resto da vida em vez da prisão.

A minha pergunta é saber se esta troca é melhor para quem cometeu o crime do ponto de vista sociológico. É bem diferente e mais compensador ser sujeito a tratamento psiquiátrico do que ir para a prisão, ainda por cima atendendo ao tipo de crime que ele cometeu. Mas tendo em conta a natureza do crime o mais certo é que para matar 76 pessoas daquela forma é porque Breivik tem problemas psicológicos muito graves.

Mas não é certo que o tratamento psiquiátrico resolva os problemas para os familiares das vítimas que querem-no ver preso numa cela e estar num hospital psiquiátrico não é a mesma coisa.

Se Breivik receber este tipo de pena para o resto da vida, quer dizer que estará aprisionado na sua psicose. É o mesmo que estar enfiado numa cela, mas sem grades e as regras da prisão.

Por ultimo, se Breivik for considerado psicótico e não for condenado, o seu nome estará limpo, pelo menos perante a justiça e parte da opinião publica norueguesa, e assim o autor dos atentados de Oslo será sempre visto como um psicótico e nunca como um criminoso. Dificilmente a vox populi norueguesa aceitará esta decisão por parte do tribunal e exigirá justiça.

Eis uma novidade num caso que está a abalar a Noruega e que promete vir a servir de exemplo para outros que cometeram crimes hediondos e que poderão usar a psicose como argumento para não irem presos. Se fosse nos Estados Unidos, Breivik já tinha sido condenado....à morte!

11 comentários:

Fatyly disse...

"Ficará aprisionado na sua psicose, mas jamais junto da população, mas sim num hospital que ao contrário do que dizes...tem grades mesmo".

Nem todos os estados dos Estados Unidos têm a pena de morte...e por lá está um português, num hospital psiquiátrico, a aguardar a sentença, que tendo sido em NY será perpétua ou 25 anos, sem hipótese de ser repatriado! Sabes disso melhor que eu!

e fala o roto ao núo porque não te vestes tu? já que

e se fosse cá? onde estão os que cometeram crimes hediondos? como por exemplo

- afinal onde pára o processo Casa Pia? Os que foram condenados serão eles os verdadeiros criminosos?
- os que praticaram violência doméstica e só este ano já morreram 43 mulheres?
- os pedófilos que aguardam a sentença em liberdade pelos horrores cometidos e alguns reincidentes que ainda gozam com os familiares das vitimas?
- Onde estão as crianças desaparecidas? Treze anos depois é que começa o julgamento do processo de Rui Pedro?
- os da actual criminalidade violenta?

muitos dos casos estão a ser investigados pela PJ e depois? encravam no MP e depois? Recurso e depois?....prescreveram e a maluca sou eu. Que Deus me guarde!

Ao contrário da Noruega e outros países e dos Estados Unidos...ficam PRESOS MESMO até serem julgados, mas por cá e porque tinhamos "demasiado presos em preventiva", obecemos às ordens da UE e o resultado é que são as vitimas que têm de fugir, esconderem-se e etc, etc, etc.!

Francisco Castelo Branco disse...

Esta é uma situação diferente.

Como é que alguém que fez o que fez afinal de tudo não vai ser julgado.
E será que o tratamento substitui a pena de prisão?

Fatyly disse...

é uma situação diferente?

pois é diferente FCB é que lá todos os organismos judiciais funcionam e lê bem estas palavras:

"O tribunal ainda não decidiu, mas ao que tudo indica a procuradora irá pedir tratamento psiquiátrico para o resto da vida em vez da prisão"

a meu ver sim, porque o tratamento será feito enjaulado num hospital psiquiátrico, caso contrário a procuradora não referia, "para o resto da vida"!

bem ao contrário da nossa justiça!!!!!!

Anónimo disse...

FCB
Aconteceu o mesmo a John Hinckley..... O sujeito que tentou assassinar Ronald Regan! Naquele tempo, eu recordo-me o pai, um magnata do petroleo, pagava 18.000 $/hora ao advogado que o defendeu e o mais que conseguiu foi precisamente que ficasse internado até hoje e com saídas precárias nos últimos dois anos!

DCS ( retired ATP)

Francisco Castelo Branco disse...

resta saber se isto é o melhor para ele....
Vai ficar preso na mesma

expressodalinha disse...

O sistema americano é traiçoeiro. Mata inocentes e depois já é tarde para os "reabilitar". Os malucos vão para o manicómio. Na prisão normal são perigosos para eles próprios e para os outros.

Anónimo disse...

Expresso
Como assim?
Hoje, nesta hora, está aí, para as bandas de Sintra um americano que matou para roubar 40 dollares, fugiu da penitenciaria, roubou um avião que só não destruiu à bomba porque as autoridades argelinas se opuseram, roubou um milhão de dollares que só não de abotuou com ele porque as autoridades argelinas outra vez disseram não!.... Coitadinho. Enfim, você desta vez desiludiu-me. Mas pode rebilitar-se dê um nome dum inocente executado.
Abraço

DCS ( retired ATP)

expressodalinha disse...

São dezenas. A pena de morte não faz sentido. Mas aqui a questão é se os malucos devem ir para a cadeia ou não. Qt ao rapaz de Sintra é um caso de extradição, tipo Duarte Lima. O filme é outro.

Anónimo disse...

Bem admitiu que não tem um nome!
Quanto a não fazer sentido diz exclusivamente respeito à comunidade que a aplica. Eu sou contra mas democraticamente os meus pares não concordam, viva a democracia e cumpra-se a lei! Tão curto e claro quanto isso!
Abraço

DCS ( retired ATP)

daga disse...

se "psicótico" significa : "louco varrido perigoso", então ele corresponde ao diagnóstico! agora a questão é : qual a melhor punição para aplicar a uma criatura assim? a melhor no sentido do bem estar da sociedade e da sua protecção... quando me recordo do filme "Voando sobre um ninho de cucos", diria que ele ficará "bem" numa instituição dessas.

Francisco Castelo Branco disse...

Sinceramente acho que o sistema norte-americano devia ser mais suave e também adoptar estas medidas...

na minha opinião são medidas de ressocialização.

Share Button