quarta-feira, 3 de agosto de 2011

tachos e panelas na Cultura I

Tendo o governo disponibilizado as nomeações do seu pessoal no site, vamos Ministério a Ministério fazer uma espécie de levantamento sobre aquilo que está a mais, ou seja, quais tachos e panelas dados aos boys. Em primeiro lugar é de ressalvar o facto do Governo ter disponibilizado para todos as nomeações. É um excelente princípio e uma promessa cumprida por Passos Coelho.

A nossa primeira viagem é a cultura. Sabemos que no governo de Passos a Cultura foi diminuida a Secretaria de Estado, mas nem por isso deixa de distribuir alguns tachos. Na composição do seu gabinete temos a presença de duas Especialistas Jurídicas e quatro Colaboradoras especialistas. Pergunto qual a razão da existência de DUAS especialistas jurídicas! Ainda para mais contando com QUATRO colaboradoras especialistas. Então essas colaboradoras não devem ter competência jurídica? E porque é que numa secretaria de estado como a cultura é necessário a presença de duas juristas? Quais são os problemas jurídicos com que a cultura lida diariamente?????

Acho muito estranho que uma secretaria de estado tenha necessidade de tanto pessoal "especialista". E neste país o que não faltam são especialistas e colaboradores. Ao menos deviam ter dado o nome de Juristas para disfarçar melhor....

Outr das questões é a necessidade de Motorista. Porque razão os Secretários de Estado não se deslocam pelo seu próprio pé? Com carro do governo mas sendo eles a guiar.....Acho que o Estado devia fazer uma selecção das secretarias de estado mais importantes e as que têm menos interesse em termos de encargos. Se calhar o motorista é para recolher as inumeras especialistas que tem.

Se a Secretaria de Estado liderada por Francisco José Viegas tem necessidade de muitas especialistas juridicas e não só, deviamos saber também quais os assuntos pelos quais cada um se ocupa, para que não tenhamos que pagar especialistas desocupados!

6 comentários:

Fatyly disse...

Tocas num assunto pertinente e bem actual que de mudança nada tem em termos de "despesismo". Os tachos e panelas sempre existiram, depois passaram a boys tão criticáveis e a este tipo de coisas ou nomeações voltamos a chamar tachos e panelas?
Eu diria "caldeirada"!
Enfim!

Os Secretários de Estado não se deslocam pelo seu próprio pé? (o calçado está carissimo e com motorista podem dormir mais um cadinho)
Pergunto: o que ganham não dará para andarem no seu próprio automóvel, bicicleta ou moto, e ou transportes públicos e prescindir do "carro do governo e respectivo motorista"?

Como tenho mais umas perguntinhas com outro ministério, não é aqui que irei questionar mas lá...embora tenha a certeza que a resposta será Zero!

Francisco Castelo Branco disse...

os dos 10 assessores? ahaha tambem vai passar por aqui

daga disse...

realmente tantos "especialistas" e tantos motoristas etc... se a moral deles é esta, como poderá o povo considerar que o voto é uma obrigatoriedade moral?

Francisco Castelo Branco disse...

mas um passo foi dado : está tudo publicado

Fatyly disse...

Pois está tudo publicado até o que ganham, mas só dos principais e o secretário do secretário e os motoristas etc e tal? e oh pá ando aqui numas contas que nem te digo nada...porque quero fazer umas comparações e consequente pedido de justificações:)

sim os do 10 assessores é um deles mas há mais:)...

José Sousa e Silva disse...

E ainda não se lembraram de contratar especialistas em trabalhos não especializados.

Share Button