sábado, 30 de julho de 2011

OLHAR A SEMANA - SEGURO CONTRA TODOS

O Partido Socialista acabou de eleger o novo Secretário-Geral do partido. Um homem que não é carne, nem peixe. Que antes de o ser já o era. Um homem calmo, que faz adormecer qualquer um (pior só o Ministro das Finanças). A escolha recaiu num homem seguro. Tó Zé Seguro é amigo íntimo de Passos Coelho, actual Primeiro-Ministro. Ficamos contentes desta convergência social. Algo que a Troika exigia, acaba por se concretizar no segredo do voto. Na intimidade dos lares. Portugal é assim. Quando é preciso, juntamo-nos todos, mesmo sem querer. Afinal, somos todos primos. Há neste momento uma convergência política óbvia. Temo que as elites governativas, por se sentirem tão confortáveis com as oposições, se esqueçam do povo e se limitem a fazer contas. Tudo são números. Um dia os números vão entrar em raiz quadrada. Uma raiz que dificilmente encontrará a quadratura do círculo.

6 comentários:

Francisco Castelo Branco disse...

são os dois jotinhas ehehe :)

Fatyly disse...

...contra todos os riscos? pois é...amigo intimo de Passos Coelho...que ia tão bem e já borrou a pintura com um tiro nos pés - a CGD!
Uma vez mais...o nojento compadrio partidário!

Seguro não sei porque só ouvi falar dele agora e não faço a mínima ideia do que é capaz.
De facto o Ministro das Finanças não tem poder de "oralidade" mas é um excelente executivo e um dia verás melhor!

daga disse...

excelente análise, curta, incisiva, mordaz :)
adorei especialmente "que antes de o ser já o era" ;)
não muda nada na política deste país realmente... perdoem o pleonasmo: que tristeza tão triste:p

Francisco Castelo Branco disse...

Acho que Pedro Rebelo de Sousa não é do PSD e Nogueira Leite tem um curriculo que fala por si...

o cartão partidário não pode ser um impedimento

expressodalinha disse...

Naada pode ser impedimento. Nem a vergonha...

Francisco Castelo Branco disse...

não vejo onde está a vergonha

Share Button