Etiquetas

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Nobre Falhanço

Fernando Nobre não passou na eleição para Presidente da Assembleia da Republica.

Na primeira volta obteve 106 votos, na segunda menos um.

Esta é a primeira derrota política de Passos Coelho e a segunda de Nobre depois da Presidenciais de 2011. Que fará agora o deputado? E o Presidente do PSD?

Nota para a falta de solidariedade do CDS nesta questão. A falta de "amizade" dos centristas não augura bom futuro para a coligação de Direita. É incrivel como Portas continua a pensar apenas no seu umbigo. PPC não merece isto.

Realce também para os outros partidos. A tradição democrática foi interrompida, porque PS, BE e PCP queriam que este governo que tem uma tarefa dificil pela frente começasse mal.

Parabens a Passos Coelho pela coerência demonstrada!

7 comentários:

Francisco Castelo Branco disse...

A Direita deu matéria para que todos começem a especular e a escrever sobre tudo e mais alguma coisa.

já a Esquerda tem agora um ponto de partida para criticar o governo

Francisco Castelo Branco disse...

Gostava é de saber como é que alguns sociais democratas deputados vão justificar o não terem votado nele.

Ao menos disfarçavam

Anónimo disse...

Na minha opinião esta não éa segunda derrota do Dr. Fernando Nobre, pois não considero as eleições presidenciais uma derrota.

Francisco Castelo Branco disse...

para todos os efeitos e uma derrota.
Se não ganhou...

Fatyly disse...

Estive a ler o que de facto é, ou melhor o que representa o Presidente da Assembleia da República como 2ª figura do Estado.

PPC prometeu e cumpriu, sim até aqui tudo bem, mas no meu modo de ver sem qualquer "coerência mas numa teimosia como sinal negativo" porque sabia que não teria a aprovação do CDS-PP. Não posso dar os meus parabéns a PPC.

A meu ver perderam todos e deram um péssimo exemplo ao povo e Nobre acabou agora mesmo por desistir da candidatura, mas deveria ficar como deputado, pois será sempre uma mais valia!

Este 1º. incidente não é assim tão importante e só espero que outros não surjam...porque quem saiu era teimoso...e espero que estes dois se entendam!!!!

expressodalinha disse...

Acho que sairam todos a ganhar, em especial os portugueses. Ter de atuarar aquele homem era uma vergonha e um perigo. Imaginem se ele tinha de substituir o PR?

Francisco Castelo Branco disse...

Ora aí está

já tinha conseguido o seu intento.

Não chegou a pr por via das eleições, mas por acaso da sorte.

veremos como se porta como deputado

Share Button