sexta-feira, 1 de abril de 2011

Assembleia de Pinguins - Antalya aceita XXXXII

(...)

- Mestre com o aparecimento da Assassina e com um iminente guerra com os nossos vizinhos, o que fazemos? - perguntou um dos fieis a Zéguim.

- Meu amigo Horsim, de facto estamos perante uma situação complicada. É que se nos fazemos ao mar, corremos o risco de sermos comidos pela Orca. E além disso ela já deve ter avisado os seus amigos. Desta vez virão mais.

- Acho que deviamos aproveitar a presença de Antalya para que eliminemos a Assassina. Com aqueles dentes e com uma espetada na barriga ela não vai sobreviver. É óbvio que temos de a distrair. A mim parece-me que ela é a lider de um grupo de Orcas, caso ela morra acho que o grupo de desmorona. Temos de actuar o mais rapidamente possível.

- Consegues ajudar-nos Antalya? Não sei se Luisim explicou, caso nos ajudes fazemos contigo uma espécie de troca e gozarás de impunidade para o resto dos teus dias enquanto estiveres aqui na Ilha. - Concluiu Zéguim

- Sim. O pequeno explicou-me isso tudo e portanto aceito as condições. Vamos matar essa baleia, onde está ela? - agitou Antalya.

Todos os presentes ficaram satisfeitos com a resposta da Morsa. Após aquele momento, seguiu-se mais um com muita emoção : Zéguim deu um forte abraço a Luisim como recompensa por ter conseguido trazer um salvador para junto dos Penguzan. Depois de Zavi e da história do aquecimento global, a nova heroína daquela tribo era Antalaya. Teria direito a uma pedra ou uma casa no futuro?

( Continua 6 de Abril...)

1 comentário:

daga disse...

vamos lá ver se a morsa consegue correr com uma orca (e agora até parece que é um grupo de orcas) ;)

Share Button