segunda-feira, 21 de março de 2011

Até que uma bala lhe acerte

A situação na Libia já não tem volta a dar.....
Vai haver guerra e da dura. Se já estamos na fase em que a capital está a ferro e fogo, então a ofensiva levada a cabo pelas forças da Coligação ( adoro esse nome de como um Messias viesse ....), tem como objectivo derrubar o regime de Kaddafi e não apenas criar uma zona de exclusão aérea em Benghazi. Até porque se esta cidade ficar nas mãos de rebeldes será uma plataforma para que estes reunam as tropas e tenham condições de marchar sobre Tripoli.

Como escrevi na sexta, a intenção dos EUA e restante comunidade internacional era bem mais do que salvar as pessoas. Agora que já estão tropas no país não faz sentido nenhum que não haja nenhuma invasão. E como vão os Aliados ( outro nome pomposo...) justificar a invasão? Que Kaddafi é um perigo para a segurança mundial por ter respondido aos ataques e não ter cessado o fogo.

Esta é mais uma guerra que os norte-americanos compraram com a ajuda dos britânicos. Obama disse no seu discurso de tomada de posse que a via militar não era solução para resolver conflitos. Também prometeu que fechava Guantanamo.... Aposto que se Kadaffi for capturado será de imediato transportado para a prisão de Cuba...

Kaddafi, o ditador que controla a Libia desde 1969 resistirá até que uma bala lhe acerte no peito. Fotografias como aquela e pedidos de uma tenda no forte de são julião da barra bem como de alguns camelos não se vão repetir por estas paragens

3 comentários:

daga disse...

não percebo por que os ocidentais (especialmente EUA e UK) insistem em interferir militarmente neste tipo de situações!
quem é que lhes deu a "missão" de se armarem em salvadores do mundo?será por causa do petróleo ...?

Francisco Castelo Branco disse...

tambem nao e so por causa disso....
tem muito a ver em se imporem na regiao

sao os donos do mundo porque sao os mais fortes militarmente. pelo menos por enquanto

expressodalinha disse...

Sinceramente não morro de amores pelo homem. Sinceramente, se estivesse num filme de cow-boys, era daqueles gajos que levavam um balázio antes de sequer abrirem a boca. Isto sou eu a falar aqui. Mas é assim que o americas pensam, sentem, podem... e fazem.

Share Button