sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Assembleia de Pinguins - A ideia genial XXX

(...)

Luisim tinha sempre ideias arriscadas e um pouco descabidas, por isso é que Dioguim esteve reticente em apoiar o plano do seu amigo independentemente do que iria sair dali.

- Sabes Dioguim deviamos ajudar a Morsa a reintegrar-se novamente na Ilha e a começar a falar com os outros animais. Para isso ela deveria ter um estatuto especial dentro da nossa tribo e assim ninguém a poderia insultar ou sequer tentar matar. Se conseguissemos convencer o nosso Mestre a lhe dar estatuto VIP, ela poderia estar na Ilha Minguim o tempo todo que ela quisesse. Sem ninguém lhe fazer mal. Era uma maneira de a proteger dos outros que a querem matar. E com o tempo Antalya se iria integrar na sociedade rapidamente e num instante os problemas passados iriam ser esquecidos. E acho que a nossa tribo é um exemplo de união, apesar dos problemas mas com isso a pouco e pouco ela ia sendo aceite e também deixava de estar solitária. Porque se ela continua nesta gruta de certeza que mais cedo ou mais tarde vai acabar por morrer. Há quanto tempo é que ela não fala? Tivemos de chegar nós para ter companhia e alguém para falar...... É muito dificil ser-se expulsa da própria tribo e depois da ilha onde vive.

- É uma ideia genial Luisim, mas estás a pensar para bem dela ou com intuito de resolver o problema da nossa tribo? - questionou Dioguim.

- Que problemas temos nós? É apenas uma questão politica, rapidamente isto vai acabar, se é que já não acabou. E com a sabedoria e experiência que ela tem, de certo que pode ajudar a unir as duas facções para bem do país. Tenho um feeling que Zéguim vai adorar conhecer a nossa amiga. - replicou Luisim

- Não tinha visto a questão por esse lado....e como reagirão as restantes tribos? vão quere-la matar de certeza? e se nos atacam por manter um animal indesejado.....? - Dioguim era muito filosófico e tinha sempre imensas questões.

- Ninguém pode atacar a nossa Ilha, e se o perigo vier de dentro realizamos uma Assembleia para lhe conceder um estauto VIP e assim tem a protecção dos Deuses.

- Acho que com ela estamos seguros e depois do que ouvimos temos o dever de ajudar quem precisa. Não podemos chegar aqui sem sermos convidados e ir embora de mãos a abanar. - concluiu um convencido Dioguim.

Luisim estava orgulhoso da sua proposta. Como sempre tinha excelentes ideias mas infelizmente ninguém na Ilha lhe dava ouvidos por ser muito novo. Nem mesmo Dioguim que era o seu melhor amigo. Se conseguisse convencer a Morsa a voltar ao Mundo, tinha a certeza que seria mais respeitado pelos seus. Quem sabe um dia chegar a Mestre.....

- Não fiques vaidoso Luisim, foi uma excelente ideia mas ainda tenho as minhas reservas quanto ao resultado prático. Primeiro é preciso convencer a Morsa. - atirou Dioguim.

- Eu aceito - disse a Morsa surgindo à frente dos dois amigos, já que estava a ouvir a conversa toda.

(continua dia 2 Março....)

2 comentários:

daga disse...

então Luisim tem ideias mas/e concretiza-as, enquanto Dioguim tende mais para a especulação filosófica... juntos formam uma boa dupla :)

Francisco Castelo Branco disse...

é uma mistura da minha personalidade ahaha

Share Button