sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Assembleia de Pinguins - Quem avisou os narvais? XIX

(...)
Os narvais vinham em fila preparados para a luta, enquanto as orcas se perfilavam lado a lado em posição de defesa. Os habitantes das Ilhas Caçola estavam prestes a assistir a uma batalha épica digna de figurar entre os livros.

Todos os animais acorreram à costa para não perder nem um bocado de um pedaço da história marinha. Entre os inquilinos da ilha e também no seio das Baleias ainda perdurava a questão de saber como é que os Genervais tinham sido avisados da presença inimiga naquelas águas.

A tarefa heróica desta vez coube ao heróico Vasquim. Um pinguim com apenas 4 anos de idade, mas que era conheEnquanto as Orcas faziam guarda à única passagem da ilha, haveria que arranjar uma forma de passar por elas sem ser visto, já que isso significava uma morte certa. O mais seguro era conseguir chegar ao continente e passar as montanhas da Morte. Eram assim chamadas porque quem alcançasse o pico morria imediatamente. Pelo menos 4 animais e 5 humanos já haviam tentado o feito mas rapidamente sucumbiram ao cansaço.

cido pela sua mobilidade e astúcia. Zéguim confiou nele para ir chamar os Narvais. Não o obrigou porque sabia que era uma delicada operação, mas mesmo assim Vasquim aceitou a missão sem problemas.

O percurso tinha vários obstáculos por ultrapassar : Em primeiro lugar, teve que passar despercebido entre as baleias e não ter o mesmo destino de Linguadim. Alcançado o continente, o próximo obstáculo subiu as montanhas de morte, mas também tinha que as descer, o que não se afigurava nada fácil.

Depois nadou quase 200 milhas até à ilha Narvalu que fica no meio do Atlântico. Quase ao fim de 4 horas a nadar, o pobre Vasquim conseguiu finalmente chegar ao local pretendido. A ilha estava rodeada de medidas de seguranças, um enorme forte dava protecção e no mar vários narvais faziam um perímetro para que ninguém se aproximasse do forte. Apesar de vir em paz, Vasquim não se livrou de um grande susto.

(continua dia 17)

Sem comentários:

Share Button