terça-feira, 2 de março de 2010

Figuras da Década(4) : Dan Brown

O homem dos códigos e decifragens.
Os seus livros venderam como nunca. A sua escrita é altamente prestigiante e opta sempre pelo mesmo tipo de história.

Nasceu a 22 de Junho de 1964 em Exeter.

Publicou cinco obras : O primeiro livro foi Fortaleza Digital em 1998. Seguiram-se Ponto de Impacto e Anjos e Demónios, este em 2000. Foi neste ultimo que nasceu o simbologista Robert Langdon. Em 2003, Brown editou o seu maior sucesso , " O Codigo da Vinci".

Foi com o "Código Da Vinci" que Dan Brown se notabilizou. Vendeu 80 milhões de exemplares para alem de ter criado polémica em torno da figura de Maria Madalena. Isso valeu-lhe uma guerra com a Igreja Catolica.

O seu ultimo romance foi lançado em 2009 sob o nome O Simbolo Perdido.

Tanto o Codigo Da Vinci como Anjos e Demonios foram adaptados ao cinema. Embora o primeiro tenha sido publicado depois do 2º; no grande ecra a sequência foi ao contrário. Primeiro saiu o Codigo da Vinci e depois Anjos e Demonios. Estará a caminho o Simbolo Perdido?

Por tudo isto foi considerado pela revista Time como um dos homens mais influentes do Mundo.

Dan Brown é um especialista do Enigma. E isso está bem patente nas suas obras....

14 comentários:

expressodalinha disse...

Um banha da cobra, americano, que descobriu o seu filão. Nem sequer o estilo é bom. Influente? Só se fôr na rua dele!

Francisco Castelo Branco disse...

milhoes de pessoas seguem os seus livros.
Vao às suas conferencias....
Acho que é bastante influente.
Conseguiu pelo menos meter a Igreja Catolica em furia!

Anónimo disse...

Expressodalinha
Quantos portugueses se lembravam ou sabiam das antigas ordens religiosas antes de lerem o “Código Da Vinci”?Refiro-me ao homem da rua não às elites do caviar e moelas de faizão!
E vou mais longe, que percentagem da população mundial tinha conhecimento das ditas ordens e do que elas pariram antes do contacto com as obras de Dan Brown?
E, olhe que o homem é influente muito além da sua rua.
Descobriu o filão?....talvez e olhe que tem seguidores mesmo entre os que se julgam grandes entre nós.
Se a inveja matasse?!
DCS

Marta Sousa disse...

Mau escritor, boa imaginação. Apesar de tudo alertou as sociedades contemporâneas e deu a conhecer às massas aquilo que muitos nos meios académicos têm medo de expor. É claro que não deixa tudo de ser invenção mas aquele 1% de verdade abalou uma instituição milenar o que só prova o quão caduca a mesma está...

Marta Sousa disse...

Corrijo. Disse mau escritor, queria dizer péssimo escritor.

Francisco Castelo Branco disse...

péssimo escritor, porquê Marta?

As suas obras são bastante interessantes.
Mas isso são opiniões.

Tal aquando do Codigo da Vinci, Dan Brown é sempre motivo de polémica!

expressodalinha disse...

Concordo com a Marta. É mau escritor. Então os finais trapalhões dos livros dizem tudo sobre os objectivos desta escrita tipo "McDonald". Se influenciou, não sei. Não me parece. A Igreja fica mal disposta por definição. Faz parte da política do Vaticano aquele tique inquisitorial de colocar obras no index. Fica-lhe bem.
A DSC direi que o que ele diz sobre Ordens e Maçonarias fica, precisamente, bem com caviar. Pouco tem é de realidade. Ele não deu nada a conhecer. É uma total frude. Baralhou tudo para ganhar dinheiro com histórias tipo Indiana Jones, Não se iluda... Foi mesmo e só um filão. E esse é o seu "único" mérito (?)Americanos...

Francisco Castelo Branco disse...

entao para ti, é mais um escritor americano sem qualidade?

ou os escritores americanos sao todos assim?

expressodalinha disse...

Não generalizei, nem lhe chamei escritor. O que este ele fez é típico de americano. Só isso. Descobrir um filão e exlplorá-lo. Nisso eles são muito bons. O resto é aproveitar a ignorância, Repara queaté o Vaticano ajudou. Ao criticar, disparou a venda. Suspeito que Santa Sé deve estar infestada de americanos. Como todo o mundo... e não acabam. Safa!

expressodalinha disse...

Não generalizei, nem lhe chamei escritor. O que este ele fez é típico de americano. Só isso. Descobrir um filão e exlplorá-lo. Nisso eles são muito bons. O resto é aproveitar a ignorância, Repara queaté o Vaticano ajudou. Ao criticar, disparou a venda. Suspeito que Santa Sé deve estar infestada de americanos. Como todo o mundo... e não acabam. Safa!

Anónimo disse...

Expressodalinha
Porquê este antiamericanismo primário?
Tem cheiro de inveja. Creio eu!

expressodalinha disse...

Não é primário é terceário. Inveja? O que é isso?

Francisco Castelo Branco disse...

Será ele um romancista ou um homem da ficção cientifica?

Anónimo disse...

EXPRESSODALINHA
descreva o que sente em relação ao autor e,aí tem o que é a inveja!
E,olhe que é feio!
"Não vá o sapateiro além da chinela".
Velho mas actual.

Share Button