Etiquetas

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Guerra em tempo de Natal

O Natal deveria servir para reflectir, as pessoas terem um espírito pacífico e mais tolerante. É essa a mensagem do Natal. Em todo o Mundo milhões de familias reunem-se para celebrar esta quadra. Em muitos casos, o Natal serve para juntar a familia, unicamente possível nesta quadra. Livre de guerras e maldade, é este o espírito do Natal....

Mas há uns anos para cá este espírito tem-se vindo a perder.

Tudo por culpa de um passáro amarelo e de um rinocerante cor-de-rosa.

Sabem de quem estou a falar?

Da Leopoldina e da Popota, esses dois animais que aterrorizam as crianças do nosso país. Até já chegou ao ridiculo do passaro amarelo se vestir à "Tomb Raider" como que a ameaçar os miudos de que se não forem comprar brinquedos podem ser alvos de um assalto. Já a Popota dança ao ritmo dos Buraka Som Sistema, conseguindo afastar todos aqueles que gostam da musica deste grupo.

Infelizmente o consumismo atingiu este estado de coisas. Ou será também a globalização?...... Ninguém sabe ao certo, mas a verdade é que tende a piorar porque os milhões que se gasta com esta publicidade é enorme. E apenas por mês e meio, porque a partir de dia 25 estes dois animais vão voltar a hibernar com a promessa de regressarem no ano que vem com mais novidades.

trarão companhia?

8 comentários:

Chica disse...

É uma pena como tudo muda, não? abração,tudo de bom,chica

expressodalinha disse...

Eu acho fantástico este espírito consumista. É a única coisa que se aproveita no Natal: salvar alguns empregos no comércio e na indústria. Isto sim é caridade.

Luiz Otávio Ribas disse...

Passei pra divulgar meu blogue:
http://assessoriajuridicapopular.blogspot.com
Um abraço

Mastermind disse...

Concordo. A Popota e a Leopoldina são absolutamente irritantes.

Francisco Castelo Branco disse...

Chica

Mudou e para pior.
No meu tempo, quase nao havia estes ridiculos passaros.
Apesar de ter tido muitos brinquedos, acho que nunca fui influenciado.

Nunca como agora a palavra é só uma: gastar, gastar

Francisco Castelo Branco disse...

Mastermind

nao gosto da POpota embora ache a Leopoldina bem engraçada...ainda mais nesta versao tomb raider

Anónimo disse...

Olha, vai mais é trabalhar!!! Aprende a fazer requerimentos!!!!

Francisco Castelo Branco disse...

Sr. ou SRa anónima

eu nao sei o que são requerimentos....

consegue-me explicar isso?

Share Button