sábado, 28 de março de 2009

OLHAR A SEMANA - SER ALTERNATIVO

Em Londres reunem-se os vinte mais ricos do mundo, preocupados com a crise que eles propagaram e não sabem como aplacar. Cá fora uma multidão alegre de jovens desempregados faz a reunião alternativa em bandeiros multicolores e consciência de panfleto. A hora muda hoje num violento apagão mundial destinado a lembrar as energias alternativas. As medicinas estão cada vez mais alternativas saindo do bolso a uma velocidade constante. As couves biológicas, horríveis de se ver, custam os olhos da cara em qualquer feira alternativa. A própria música há anos que é alternativa. A literatura sempre foi. A alternativa a ser alternativo é ser alternativo, numa constante alternância? Alternativo quer dizer o quê? Estar na moda? Pagar mais? Abraçar o "pobretismo"? O alternativo é ser diferente? Mas eles são todos iguais! Pensam todos quadrado e julgando que é cubo! Que faz esta gente para além de ser alternativa? Não perceberam que têm de ser alternativos a eles próprios? É importante um ópio qualquer... É urgente um vício!
Jorge Pinheiro

2 comentários:

Chica disse...

Acredito que não precisamos "rótulos"! Ser ou não alternativo é algo que vem de dentro, de nossa vontade de fazer algo diferente do que está aí apresentado. Legal teu post! um abraço,chica

Francisco Castelo Branco disse...

As politicas pouco mudam.
E é por causa deles que estamos assim.....

Share Button