Etiquetas

domingo, 13 de janeiro de 2008

Estaremos preparados?

Com a evolução da sociedade é hoje impossivel estarmos parados.
Nos dias que correm, o stress e a agitação com que vivemos o nosso dia-a-dia, leva-nos a questionar até conseguimos resistir.........
É inegavel, que numa sociedade como a nossa (da informação, da afectividade, da emoção); o tempo tende a correr mais depressa. E com isso o passado deixa de fazer sentido, passando a importar o presente e principalmente o futuro.
Com a agitação diária; trabalho,os sentimentos, as responsabilidades; há cada vez menos tempo para pensar, para diagnosticar ou deixar para amanhâ o que se pode fazer hoje..........
O ritmo com que "andamos" é uma preocupação psicológica. Torna-nos mais preocupados, angustiados, ansiosos e pouco pedagógicos.
É o resultado de vivermos numa sociedade da informação, em que tudo ocorre num segundo e repentinamente recebemos a informação. Seja ela através da net,televisão ou rádio. No mesmo minuto sabemos o que se passa em Portugal, China, Austrália.......
A questão que coloco é saber se estamos preparados para no futuro "vivermos" quase 100 à hora....... Em que tudo acontece num minuto e temos que resolver essa problemática nesse mesmo instante.
E que consequências terá esta "correria" no futuro?
Este stress é prejudicial no crescimento da nossa sociedade?
Não estaremos a ficar demasiado paranóicos? Num permanente estado de ansiedade, desejo de futuro sem pensar no presente?
Quem são os responsáveis?
Poderemos estar a transformar a espécie humana em máquinas?
Estaremos preparados para este futuro?

4 comentários:

Tiago R. Cardoso disse...

O maior problema é que muitos deixaram de viver, limitam-se a esses movimentos diários programados, perdendo a essência do que é viver.

Francisco Castelo Branco disse...

Tiago como assim?

quin[tarantino] disse...

Meu caro Francisco andas a ler Philip K. Dick?

Francisco Castelo Branco disse...

Nao, gosto mais de John Grisham hehhe

Share Button